Você Sabe O que É Um Vidro Insulado? - Ca2

Você Sabe O que É Um Vidro Insulado?

Vidro Insulado

O vidro insulado é uma composição de dois panos de vidro, sendo que um deles pode ou não ser laminado. Esses vidros são separados por uma cavidade de ar ou algum outro gás que vai proporcionar maiores propriedades insulativas para esse componente.

Imagem: Brennancorp 

Um vidro insulado sem controle solar tem fator solar de aproximadamente 76% e uma transmitância luminosa de aproximadamente 83%.

Quando comparamos o vidro insulado ao vidro laminado comum, a grande diferença está no valor de condutância térmica, que é aproximadamente 2,5 ou 3 W/m². k. Isso significa que vidro o insulado proporciona um nível de isolamento térmico muito superior ao vidro laminado comum.

Você pode utilizar o vidro insulado para manter o calor dentro dos ambientes. Essa estratégia pode ser boa em residências, inclusive aqui no brasil, no clima de São Paulo para o inverno ou na região sul.

Mas, cuidado! Ao usar vidros insulados, você precisa ter a opção de abri-los para uma boa ventilação natural nos dias quentes. Caso contrário, todo o calor ficará acumulado dentro desses espaços.

A grande diferença entre os vidros laminados low-e, é que com o insulado você consegue uma transmitância luminosa maior, entre 25% ou 30% .

Essa é uma relação melhor equilibrada : toda vez que a transmitância luminosa é maior do que o fator solar, isso indica que o seu vidro é capaz de controlar bem o calor, mas sem prejudicar excessivamente a luz natural.

No caso de vidros insulados low-e, é bastante comum você encontrar um valor U de cerca de 1.8 ou 2 W/m². k.

Em escritórios, deve-se tomar cuidado na aplicação desse tipo de vidro. Mesmo com um vidro insulado low-e, haverá bastante radiação caso não se utilize materiais para sombreamento de fachada como brises.

Na foto – Prédio com fachada envidraçada pode ser 26% mais prejudiciais ao meio ambiente, diz pesquisa — Foto: Instituto de Arquitetura e Urbanismo da USP (G1)

Desta forma, haverá muito calor dentro do ambiente. Esse calor tipicamente é absorvido pela superfície e principalmente pela inércia térmica.

As estruturas de concreto absorvem o calor e armazenam dentro da sua massa. Dessa forma, exemplificando com o clima de São Paulo, não é incomum os escritórios alcançarem temperaturas acima dos 40 graus à noite depois que o ar-condicionado foi desligado. Isso porque o prédio recebeu radiação solar durante o dia inteiro.

Quando do lado de fora a temperatura está fria, e do lado de dentro a temperatura está quente, o calor tende a passar por condução.

O problema é que o vidro insulado com seu alto nível de isolamento térmico, armazena calor nos edifícios, desta forma haverá certa dificuldade desse ar quente sair , e isso acarreta em uma necessidade maior de utilização de ar-condicionado.

O cuidado que você precisa ter ao utilizar vidros insulados low-e em projetos de escritórios, é aplicar boas estratégias de ventilação natural para que durante a noite o calor consiga sair e assim se reduza a necessidade da utilização do ar-condicionado.

Vidros de controle solar não são uma solução mágica para o nosso clima. É sempre importante utilizar elementos sombreadores. Um brise por exemplo, é um elemento muito mais eficiente no controle de radiação solar do que qualquer tecnologia de vidro.

Os vidros insulados podem ser também triplos, esse tipo é usado em países de clima extremamente frios.  Os vidros triplos possuem 3 camadas de vidro e 2 cavidades de ar.

Ilustração (Glassec Viracon)

As  cavidades de ar proporcionam um alto nível de isolamento, porque o ar encapsulado oferece boas propriedades de isolamento térmico nos componentes.

O ar que fica dentro das cavidades pode ser composto por outro gás como o argônio. Esse gás tem propriedades insulativas muito maiores do que o ar comum. Quando o argônio é utilizado em vidros triplos, essa é uma ótima solução para climas muito frios e não aplicado no nosso caso no Brasil.

Assista o vídeo sobre vidros insulados e laminados:

Leia o artigo: Vidro Laminado e o Conforto Térmico

Acompanhe a Ca2
Facebook
YouTube
Pinterest
Pinterest
LinkedIn
Instagram