NBR 15575 - Requisitos de Desempenho Acústico - Ca2
recepção hospitalar

NBR 15575 – Requisitos de Desempenho Acústico

A NBR 15575 estipula critérios para em desempenho acústico de edificações residenciais, familiares e multifamiliares protocoladas a partir de julho de 2013. Os critérios estão divididos em “Mínimo”, “Intermediário” e “Superior”, sendo o primeiro de atendimento obrigatório e os demais são opcionais.

A norma estipula critérios para:

  1. isolação ao som aéreo do envelope da construção (fachadas e coberturas) para dormitórios;
  2. isolação acústica de paredes de geminação entre unidades autônomas e de paredes divisórias entre áreas privativas e comuns;
  3. Isolação acústica dos ruídos áureo e de impacto em lajes de piso entre unidades autônomas.

Para avaliação acústica dos sistemas construtivos, a norma prevê a realização de ensaios de laboratório para componentes, elementos e sistemas construtivos, indicando valores de referência que poderão se traduzir no potencial atendimento após a execução em campo.

Além disso, estipula a avaliação em campo dos sistemas de vedações verticais internas e externas, fachadas e pisos conforme metodologias propostas pela ISO.

Sistemas de vedações externas—fachadas e cobertura

De acordo com os procedimentos previstos pela NBR 15575-4, as fachadas do empreendimento devem ser classificadas de acordo com a paisagem sonora que estão inseridas.

No caso de edifícios multifamiliares, precisamos classificar as fachadas do edifício conforme o nível de ruído incidente. Dependendo do nível, nós classificamos essa fachada ( a norma prevê as classes I, II e III). A classe I possui menos ruído incidente e a classe III, mais ruído. Conforme essa classificação, conseguimos especificar materiais de envoltória de fachadas e coberturas para atender ao critério de isolamento de fachadas e coberturas.

A norma também estipula critérios para isolamento entre pavimentos, unidades diferentes, e entre áreas de lazer coletivo. Também existem critérios de isolamento de vedações internas entre unidades e circulações.

Instalações Prediais

A NBR 15575 recomenda que os níveis de ruído de instalações prediais como sistemas hidrossanitários, elétricos ou de ar condicionado sejam minimizados. Estas recomendações são de caráter informativo e seu cumprimento não é obrigatório.

Sistema de pisos

A ABNT NBR 15575 estabelece critérios de desempenho para pisos tanto para o ruído aéreo (transmitido via ar) quanto para o ruído de impacto (transmitido por excitação estrutural).  Os critérios valem para pisos entre unidades autônomas e entre unidades autônomas e áreas comuns.

Comprovação de Resultados

A norma ABNT NBR 15575 prevê a comprovação de resultados por meio de ensaios em campo. Assim recomenda-se que seja montado um plano de ensaios para que seja comprovado que os valores atingidos efetivamente estejam dentro destes limites, a ser iniciado assim que a obra tenha condições de fechar os ambientes e realizar os ensaios. O plano deve prever medições em campo em ambientes que permitam considerar na janela amostral os diferentes fatores que influem sobre os resultados, como volume do ambiente, revestimentos, sistemas de vedações e lajes, etc.

De acordo com a ABNT NBR 15575, são previstos os seguintes ensaios, dentro do método de engenharia para ensaios em campo:

* Ensaio de isolamento de ruído aéreo de sistema de piso: o método de ensaio é descrito pela ISO 16283-1. A obtenção de valor global é descrita pela ISO 717-1. O parâmetro a ser obtido ao final das medições é o DnT,w.

* Ensaio de isolamento de ruído de impacto padrão em sistema de piso:  o método de ensaio é descrito pela ISO 16283-2. A obtenção de valor global é descrita pela ISO 717-2. O parâmetro a ser obtido ao final das medições é L’nT,w.

* Ensaio de isolamento sonoro global da vedação externa (conjunto fachada e cobertura, no caso de casas térreas e sobrados e somente fachada para edifícios multipiso): o método de ensaio é descrito pela ISO 16283-1. A obtenção de valor global é descrita pela ISO 717-1. O parâmetro a ser obtido ao final das medições é o  D2m,nT,w.

* Ensaio de isolamento sonoro global entre unidades autônomas e entre uma unidade e áreas comuns (vedações verticais internas): o método de ensaio é descrito pela ISO 16283-1. A obtenção de valor global é descrita pela ISO 717-1. O parâmetro a ser obtido ao final das medições é o DnT,w.

Destaca-se ainda que a realização das medições deve ser realizada com a versão mais atualizada de todas as normas acima citadas.

Imagem Destaque: Archinect – Nationwide Children’s Hospital Wayfinding

Leia também: Projeto acústico na arquitetura: entenda como é o processo.

Nos siga nas redes sociais: Instagram ca2 linkedin ca2 facebook ca2 youtube ca2 pinterest ca2

Cadastre-se para Receber Nossos Conteúdos e Novidades.

Ao se inscrever você concorda com a nossa Política de Privacidade

* indicates required