O Que São Certificações Ambientais, Tipos e Benefícios -

O Que São Certificações Ambientais, Tipos e Benefícios

O Que São As Certificações Ambientais?

A certificação ambiental é um selo que atesta que uma construção utilizou práticas sustentáveis e de menor impacto ao meio-ambiente. Um projeto certificado demostra que sua execução levou em conta o comprometimento com a sustentabilidade. Existem diversos tipos de certificações para a construção civil, falaremos delas nesse artigo.

12 Benefícios em Certificar o Seu Empreendimento

Pensando agora no seu objetivo de certificar, separamos algumas das razões e benefícios na lista abaixo.

Certificar o seu projeto:

  1. Gera maior visibilidade;
  2. Reduz impactos ambientais;
  3. Reduz a geração de resíduos;
  4. Representa uma importante economia no uso do edifício (água, energia e outros);
  5. Diferencia o seu produto no mercado entre os concorrentes;
  6. Agrega valor para o cliente final;
  7. É uma excelente argumentação para vendas;
  8. Valoriza o produto;
  9. Permite a obtenção de incentivos fiscais como o “IPTU verde“;
  10. Adequa o projeto de acordo com as atuais exigências do mercado consumidor;
  11. Faz com que o produto tenha melhor qualidade e desempenho.
  12. Atrai investidores que valorizam a sustentabilidade.

Em algumas cidades do Brasil, já há incentivos fiscais e redução no custo de outorga. Para saber mais, leia o artigo: IPTU Verde – Certificação EDGE

“Há uma tendência de sustentabilidade corporativa que não pode ser ignorada, veio para ficar e que está claramente ligada a investimentos.” (Chris Fowle, diretor para as Américas do PRI, Principles for Responsible Investment (FSB/Divulgação – Fonte: Exame )

Tipos de Certificações Ambientais 

Se o seu principal objetivo é diferenciar o seu produto no mercado, você precisa entender a diferença entre dois grandes grupos de certificações ambientais.  Existe um grupo chamado Multi-atributos – composto pelas certificações: LEED, AQUA, GBC CASA E CONDOMÍNIO E EDGE.

fachada do projeto Artur Ramos

Projeto Artur Ramos – Consultoria para atendimento da NBR 15575 (térmica e lumínica) e certificação GBC Casa e Condomínio 

O grupo multi-atributos trata a sustentabilidade com uma abordagem múltipla ou seja, são sistemas holísticos que olham para fatores como: energia, água, materiais, resíduos, transporte e localização. A sustentabilidade é vista de uma forma mais ampla em comparação com o grupo de mono-atributo. Esse grupo foca apenas em uma das estratégias de sustentabilidade, aqui nós temos como exemplo certificações como: procel edifica, focado em eficiência energética e o gbc Net Zero Energy que foca apenas na energia.

Tendo clara essa separação entre os grupos, você pode escolher qual o escopo e a abrangência que você quer oferecer ao cliente final. Mas, mesmo dentro dos multi-atributos existem níveis de maior ou menor escopo.

Enquanto as certificações Leed, Aqua e GBC Casa e Condomínio possuem um escopo completo de atributos sustentáveis, o Edge considera 3 grupos de estratégias (energia, água e energia incorporada aos materiais).  Ou seja, o edge é um multi-atributo, mas está entre os grandes sistemas de certificação holísticos e o grupo mono-atributos, assim podemos considerá-lo como um sistema intermediário.

Logo, se você está satisfeito em ter uma certificação que foca em 3 estratégias, o EDGE é uma excelente opção. Mas, vale lembrar que nesse caso, não poderá categorizar o edifício como “sustentável”, porque ele não terá todos os outros atributos que outras certificações abordam.

Por isso, nessa escolha, se você busca por diferenciação, você precisa ter claro qual é o escopo de atuação do seu projeto. É necessário entender também qual o grau de sustentabilidade valorizado pelo seu mercado consumidor.

fachada do projeto Afonso Celso

Consultoria e Gestão para Pré-certificação EDGE do projeto Afonso Celso – Arquitetura Perkins +Will

Certificação LEED

LEED é um sistema holístico que abarca todo o âmbito da sustentabilidade em um empreendimento, desde a sua concepção até a construção e comissionamento de sistemas energizados.

Esse processo é bastante complexo e exige simulação energética, comissionamento dos sistemas, controle de obras, controle de gestão de resíduos e gestão de poluição durante a obra.

Certificação AQUA

AQUA, é um sistema de certificação popular aqui no Brasil,  ele envolve o bom uso da água e da energia elétrica, além do conforto e bem-estar dos usuários.

Certificação GBC CASA

O GBC Brasil, desenvolveu o Referencial Casa GBC Brasil com objetivo de oferecer uma ferramenta para projetar, construir e operar casas edificações residenciais com alto desempenho e práticas sustentáveis.

Certificação EDGE

A essência do sistema Edge é focar em questões que mais causam impacto ambiental na construção civil, considerando 3 categorias: consumo de energia, consumo de água e na energia incorporada nos materiais.

Agregar Valor Para o Usuário Final

Se o seu objetivo é ter a certificação para agregar valor ao mercado consumidor e ter a sustentabilidade como argumento de vendas, você precisa entender como o seu público irá entender ou valorizar essa informação. Marcas que geram valor para o seu público possuem mais chances no processo de decisão de compra.

É muito comum ver empreendimentos certificados em que não há nenhum tipo de comunicação para o comprador. Normalmente, o corretor responsável pela venda não conhece o sistema e não sabe explicar o material de vendas.  Colocar simplesmente um símbolo sustentável no material de vendas, não trará informação suficiente para que o cliente entenda a importância ou o valor daquele selo.

“Eu sempre recomento os sistemas de certificações que são mais fáceis de serem compreendidos pelo público consumidor de produtos imobiliários, que é um público leigo a respeito desse tema.” (Marcelo Nudel)

Nessa categoria, podemos citar o PROCEL que traz a mesma linguagem visual dos selos de eficiência energética presente nos eletrodomésticos. Desta forma, o mercado consumidor já saberá identificar o selo e relacionar essa informação ao nível de eficiência energética do empreendimento. O EDGE é outro exemplo de certificação mais “fácil” de comunicar já que ele tem um escopo mais reduzido.

Quer saber mais sobre certificações ambientais e como certificar o seus projetos? Entre em contato com nossos especialistas.

Imagem destaque: RBR Rebouças – Escopo:Certificação LEED e análise de desempenho térmico e lumínico de acordo com a NBR 15.575. Incorporação: RBR Asset Management Arquitetura: Alflalo / Gasperini

Nos siga nas redes sociais: Instagram ca2 linkedin ca2 facebook ca2 youtube ca2 pinterest ca2

Cadastre-se para Receber Nossos Conteúdos e Novidades.

Ao se inscrever você concorda com a nossa Política de Privacidade

* indicates required